Pão de cebola

Diretamente do caderno de receitas da minha sogrinha, eu quero apresentar a vocês o pão de cebola! Demorei um tempo para me render a ele porque tinha cebola no nome. Colocar cebola na comida que eu faço é avanço recente, e ainda tenho alguns procedimentos de segurança para garantir que a cebola não será vista! Mas confesso para vocês, eu gostaria de ter me rendido antes, porque esse pão é delicioso! <3

Ingredientes

3 ovos

1 copo grande de óleo

10g de fermento para pão

2 copos grandes de leite

1 tablete de caldo

1 cebola média

1 colher rasa de sal

2 colheres rasas de açúcar

+ – 1 kg de farinha de trigo

Modo de preparo

Bata todos os ingredientes com exceção do trigo e do fermento no liquidificador. Na sequência, vá incorporando o fermento e o trigo até dar o ponto, quando desgrudar da mão e da bacia!

Ingredientes

Vá com calma com o trigo, porque o ponto é sutil! Se você chegar nele com menos trigo, vai ter um pão menos seco, que é a preferência aqui em casa. Uma vez que a massa chegou no ponto, sove-a e pense que o bracinho está sendo malhado! =p Sovar é muito importante, pois é nesse processo que o glúten começa a fazer o seu papel dando liga para o pão.

Massa

Um bom teste é apertar o dedo na massa e ver o tempo que ela demora para voltar ao normal, ou seja, desfazer o buraquinho do dedo. Quanto mais rápido isso acontecer, mais perto de um pão fofinho você está! Deixe a massa descansando em um local fechadinho e, de preferência, escuro! Eu costumo deixar ela lá por no mínimo 30min, mas já cheguei a deixar até 2h. Quanto mais ela crescer, melhor, mas também não vai deixar ele lá um dia inteiro, né? Se fizer isso, vai virar cachaça! \o Existe um limite de tempo de descanso, mas não sei dizer para vocês qual é…

Crescimento

Por fim, pegue a massa crescida e sove-a novamente. Agora não precisa ser muito, tenho a impressão de que serve apenas para tirar o ar da massa. Divida a massa em porções, faça os pães e deixe descansar por mais alguns minutos. O formato é o da sua preferência! Minha sogra fazia bolinhas pequenas, eu gosto de fazer dois pães grandes e mais rústicos, mas esses dias fiz “pães de hambúrguer” e ficou muito bom também. Se quiser, também enfeite seus pães. Você pode usar ovo para deixar brilhante, sementes ou farinha para deixá-los mais rústicos, inclusive pode recheá-los com carne, queijo ou que o vier na inspiração. É um sucesso!

Pães prontos

Parece simples, né? Mas eu sei que nem sempre é assim na hora que a gente coloca a mão na massa! Então vamos sanar algumas dúvidas que eu tive e que pode ajudar.

  • O que é um copo grande?

Na casa da minha sogra ela tem o dela, na minha casa, eu elegi um para ser o meu. Mas agora, que tenho um lindo medidor, eu uso a medida de uma xícara! O importante é usar sempre o mesmo “copo grande” como referência! :)

Xícaras

  • O que é uma cebola média?

Não sei! É no sentimento mesmo. Aqui está um exemplo dessa medida para vocês!!!

Cebola média

Nas últimas vezes que fiz a receita aumentei a quantidade de cebola e isso não interferiu no resultado da massa, pois no fim das contas a gente chega nele com o trigo. Então, escolha sua cebola média com o coração e sem medo!

  • Que sabor de caldo devo utilizar?

Essa é uma escolha bem pessoal! Eu normalmente uso o de carne, mas já fiz com o de galinha e com o de legumes também. Sempre fica bom! Minha ideia é tirar o caldo dessa receita e minha próxima tentativa vai ser usar caldo caseiro, pois esses tabletinhos possuem uma grande quantidade de sódio. Mas para você que como eu ainda usa caldo em algumas receitas, depois de pesquisar um pouco descobrimos aqui em casa que o da marca Arisco não usa glutamato na fórmula e tem pouquíssimos daqueles nomes de ingrediente que você não consegue saber qual é. Por conta disso, preferimos comprar sempre dessa marca. Olha a fórmula deles aí:

SAL, GORDURA VEGETAL, AMIDO, AÇÚCAR, ÁGUA, ALECRIM, CEBOLA, ALHO, PIMENTA-DO-REINO PRETA, LOURO, COMINHO, CÚRCUMA, EXTRATO DE CARNE BOVINA, NOZ-MOSCADA, CRAVO, CORANTE CARAMELO IV, AROMATIZANTES E ACIDULANTE ÁCIDO CÍTRICO.

  • Esse mais ou menos do trigo é mais para mais ou mais para menos?

Confie no seu tato, literalmente! A quantidade de trigo nunca será uma medida exata nessa receita, porque ela depende não somente do que você considerou grande, raso ou médio como também do clima do dia. Em dias mais úmidos, por exemplo, costumo gastar bem mais trigo para chegar no ponto. Ou seja, tenha sempre mais do que 1kg de trigo em casa antes de começar a receita como garantia!

E para terminar, dê sempre o seu toque! O meu é usar alecrim na massa, especialmente quando posso colher ele do jardim da sogra. <3 Espero que gostem da receita e se eu puder ajudar com alguma outra dúvida, é só gritar!

Agora eu vou comer o pão que eu mesma amassei! =p

Tchau, gente.

Luy.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.